Traje para padrinho: como escolher?

Muito se fala de dicas e conselhos na hora de escolher a roupa da madrinha, mas o traje para padrinho é tão importante quanto. Já foi o tempo em que os homens deixavam essa questão para última hora, sem dar a importância devida a escolha.

Com o aumento da variedade de modelos, cores e outras opções, o traje para padrinho tem ganhado cada vez mais destaque. Se você está com dúvidas na hora da escolha, veja essas dicas importantes.

Nunca se vista como o noivo!

Essa é a regra fundamental na hora de escolher o traje para padrinho. Já imaginou a madrinha e a noiva vestidas de branco e em um modelo bem parecido? Pois é, o mesmo deve ser evitado pelo padrinho.

Pode ser que, em alguns casamentos, todos os padrinhos tenham que usar uma mesma roupa ou acessório, como um determinado tipo de gravata, ou de uma cor específica. Mas, de qualquer forma, sempre tente checar com o noivo antes que tipo de traje ele irá usar, qual o modelo e cor.

Siga o estilo da cerimônia

Antes de optar pelo seu traje, veja qual será o tipo de cerimônia e também o horário. Celebrações mais informais e durante o dia, podem ficar melhor com trajes mais soltos e até mesmo de cores claras.

Agora se você será padrinho de um casamento à noite e uma celebração bastante formal, pode ser exigido que você use outros trajes como fraque ou meio-fraque. Por isso, certifique-se antes do dress code adequado.

Tipos de trajes para padrinho

São várias as opções de trajes para padrinho e que podem variar de acordo com o tipo e horário da cerimônia e também da exigência dos noivos, sendo os mais usados:

  • Fraque (para casamentos mais formais)
  • Meio-fraque
  • Terno
  • Smoking (depende da exigência dos noivos)

Quando usar cada traje?

Se o convite não estipula nenhum traje e os noivos deixaram livre essa escolha, então tente se orientar pelo tipo da cerimônia e horário. Veja algumas ideias:

  • Terno preto sem colete e suspensório: é um traje clássico. Quando usado com colete e suspensório, deixa a combinação mais formal. Já para casamentos diurnos ou festas mais informais, pode ser dispensado o uso dessas peças.
  • Terno claro: está na moda, principalmente em tons bege e creme. Pode ser usado em casamentos informais, ao ar livre e também diurnos. Só tome cuidado com os ternos brancos – para não ficar na mesma tonalidade da noiva. Para criar um contraste, use uma gravata mais escura e em tons vibrantes.
  • Gravata borboleta: use-a apenas se o casamento for à noite. Uma forma de diferenciar os noivos e os padrinhos, pode ser com gravatas de tons semelhantes, mas de cores diferentes.
  • Smoking: use-o somente caso tenha sido especificado pelos noivos como dress code. O smoking é mais apropriado para festas de gala e recepções que pedem traje a rigor.

Qual traje para padrinho deve ser evitado?

  • Gravatas exageradamente largas
  • Gravatas com estampas “engraçadinhas” e de cores berrantes
  • Gravatas que ultrapassem a fivela do cinto
  • Meias brancas com terno
  • Relógio esportivo com terno
  • Gravata frouxa (deixando-o com aspecto de desleixado)
  • Meias curtas com terno.

Com essas dicas ficou mais fácil pensar no seu traje para padrinho? Se ainda ficou com alguma dúvida, deixe-nos um comentário.